EROSIVIDADE DAS CHUVAS EM PARTE DO ALTO CURSO DO RIO BANABUIU - SERTÃO CENTRAL DO CEARÁ

Léya Jéssyka Rodrigues Silva Cabral, Gustavo Souza Valladares, Cláudia Maria Sabóia de Aquino

Resumo


Para melhor utilização e conservação das terras é necessário conhecer as potencialidades erosivas das chuvas. O trabalho teve como objetivo analisar a erosividade das chuvas de parte do alto curso do rio Banabuiu, localizado no sertão central do Ceará, utilizando o índice de Fournier, adaptado por Silva (2004). Para a realização dos mapas foram utilizados dados de precipitação média considerando uma série histórica de 30 anos, de 12 postos pluviométricos. A partir dos dados foram calculados os coeficientes de chuvas mensais, com os valores médios mensais (p) e os anuais (P). Os dados equacionados foram interpolados no Arcgis, usando o método do inverso do quadrado da distância, gerando um mapa que mostra as variações espaciais da erosividade. Os resultados obtidos permitem inferir que os meses de março e abril foram os que apresentaram os maiores índices de erosividade, no qual a erosão dos solos é mais acentuada.


Palavras-chave


Erosividade chuvas; Índice de Fournier; Dados pluviométricos.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26694/equador.v3i2.2895

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista da Pós-graduação em Geografia, do Centro de Ciências Humanas e Letras da UFPI

 ISSN 2317-3491

A Revista está atualmente indexada às seguintes bases de dados: LATINDEX, DIADORIM, IBICT/SEER, SUMÁRIOS.ORG, PERIÓDICO CAPES, GOOGLE ACADÊMICO, GENAMICS JOURNAL SEEK.

A REVISTA EQUADOR faz uso do DOI (Digital Object Identifier), através da associação com o CrossRef.