GEOCONSERVAÇÃO E ATIVIDADES GEOEDUCATIVAS PARA A VALORIZAÇÃO DE GEOMORFOSSÍTIOS NOS MUNICÍPIOS DE ASSUNÇÃO DO PIAUÍ E SÃO MIGUEL DO TAPUIO, PI

Francisca Vanessa Franco Ferreira, Helena Vanessa Maria da Silva, Cláudia Maria Sabóia de Aquino

Resumo


O uso de atividades geoeducativas (jogos e brincadeiras lúdicas) a respeito da geodiversidade (natureza abiótica) e geopatrimônio (patrimônio geológico, geomorfológico, pedológico, paleontológico, e outros) como tema principal pode facilitar a compreensão de conteúdos relativamente difíceis ou desconhecidos, funcionando como um excelente recurso didático. Diante desse contexto, o referido trabalho tem como objetivo apresentar sugestões de estratégias de valorização e divulgação dos geomorfossítios dos municípios de Assunção do Piauí e São Miguel do Tapuio, Piauí, através da elaboração de materiais didáticos e de atividades geoeducativas. Foi efetuada, em linhas gerais, revisão bibliográfica pertinente ao tema e proposição dos referidos jogos. Propõe-se assim dois jogos didáticos: o Jogo das Três Pistas e o Jogo do Leilão que visa contribuir para o fortalecimento da geoeducação levando aos sujeitos, principalmente aos alunos em contexto escolar, à conscientização da conservação do meio abiótico natural. O(a) professor(a) deverá mediar à brincadeira lançando perguntas e curiosidades sobre os locais, além disso, pode ser pensado junto a oficinas ou palestras. Os jogos aqui propostos podem estimular a valorização da natureza abiótica. Conclui-se que essas atividades podem estimular a aprendizagem dos alunos sobre a geodiversidade e seus elementos, despertando seu interesse em conhecer o geopatrimônio apresentado durante os jogos, na busca não apenas da contemplação da paisagem, mas, objetivando entender os processos geológicos e geomorfológicos aliados aos valores culturais (arqueológicos) da área. Almeja-se ainda despertar a curiosidade acerca da geodiversidade, do geopatrimônio, da geoconservação e do geoturismo.


Palavras-chave


Atividades Geoeducativas. Geodiversidade. Piauí

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26694/equador.v10i01.12790

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista da Pós-graduação em Geografia, do Centro de Ciências Humanas e Letras da UFPI

 ISSN 2317-3491

A Revista está atualmente indexada às seguintes bases de dados: LATINDEX, DIADORIM, IBICT/SEER, SUMÁRIOS.ORG, PERIÓDICO CAPES, GOOGLE ACADÊMICO, GENAMICS JOURNAL SEEK.

A REVISTA EQUADOR faz uso do DOI (Digital Object Identifier), através da associação com o CrossRef.