Hannah Arendt e a crítica ao poder

Christian Volk

Resumo


Parece que já se disse tudo o que poderia ser dito a respeito da compreensão arendtiana de poder. Por que, então, publicar outro texto a respeito do tema? Minha resposta tem dois elementos. Primeiro, porque é precisamente na discussão a respeito do conceito de poder que encontramos o potencial crítico do pensamento de Arendt. Este potencial e sua relevância ainda não foram reconhecidos pela análise de nossa ordem política moderna, e o fato de ele ter sido amplamente ignorado — e este é o segundo componente de minha resposta — está indubitavelmente relacionado à recepção limitada que a concepção arendtiana de poder encontrou.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.26694/ca.v2i1.12129

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


                                            Endereço / Email:


                          Universidade Federal do Piauí, PET-Filosofia,

        Centro de Ciências Humanas e Letras, Campus Min. Petrônio Portela, 

                  CEP 64.049-550,  Teresina - PI, Fone: (86) 3237 1134 

                                    E-mail: nupha.ufpi@gmail.com

 

                                                Indexado em: